São Paulo, SP, Brasil 11 2979-8818 / 11 2638-9980

Volume de investimento estrangeiro anunciado soma US$ 17,9 bilhões no 2º trimestre

Início Blog Volume de investimento estrangeiro anunciado soma US$ 17,9 bilhões no 2º trimestre

investimento estrangeiro

Foram identificados 36 projetos de cinco países; França lidera o ranking, com US$ 8,6 bilhões

No segundo trimestre de 2019 foram identificados 36 projetos de investimento estrangeiro direto (IED) no Brasil, provenientes de 22 empresas de cinco países: Estados Unidos (EUA), China, Japão, França e Itália.

As informações fazem parte da segunda edição do Boletim de Investimentos Estrangeiros - Países Selecionados, publicação da Secretaria Executiva da Câmara de Comércio Exterior (Camex), referente ao período de abril a junho deste ano. O primeiro número, com dados do período de janeiro a março de 2019, havia sido lançado em abril pelo Ministério da Economia.

No segundo trimestre de 2019, do total dos projetos, 28 são investimentos confirmados com valor aproximado de US$ 15 bilhões. Quando considerados também os investimentos anunciados e ainda sem confirmação, o valor total sobe para US$ 17,9 bilhões.

investimento estrangeiro

França é destaque em valores

Em termos de valores de investimentos confirmados, a França foi o país que mais se destacou no trimestre (US$ 8,6 bilhões), seguida por Itália (US$ 4,2 bilhões) e Japão (US$ 2 bilhões). A China e os EUA apresentaram os menores números, com US$ 213 milhões e US$ 131 milhões em investimentos, respectivamente.

Em projetos confirmados, dentre os cincos países, Japão e EUA foram os que fizeram o maior número de anúncios, totalizando sete investimentos cada, no período analisado. França e Itália confirmaram seis projetos cada um. A China, apesar de ter anunciado quatro investimentos, confirmou apenas dois projetos até agora.

Estoque

No período entre 2003 e o segundo trimestre de 2019, o número de projetos de empresas dos EUA correspondeu a 45% do total dos cinco países. O número de investimentos japoneses vem em seguida, com 20% do total levantado.

Em termos de valor, os investimentos dos EUA no período somaram US$ 81 bilhões, número próximo ao dos investimentos chineses, que totalizaram US$ 79 bilhões. Em sequência, estão os investimentos japoneses, que representam US$ 35 bilhões; os franceses, com US$ 30 bilhões; e os italianos, com US$ 21 bilhões.

Chama a atenção que nesse período desde 2003 apenas 14% dos investimentos desses cinco países tenham sido em novas unidades produtivas.

Metodologia

Investimentos confirmados são aportes de recursos direcionados a empreendimentos no Brasil, cuja informação seja passível de confirmação por mais de uma fonte de dados, incluindo páginas institucionais de empresas ou instituições diretamente envolvidas.

Investimentos anunciados são anúncios formais de investimentos futuros, que passam a ser acompanhados pelo mercado e instituições interessadas.

Quando um investimento que havia sido computado no grupo “Anunciados” é confirmado, seu valor sai desse grupo e passa a compor o grupo “Confirmados”.

A metodologia aplicada é a mesma desenvolvida para mapear os investimentos diretos chineses, que foram divulgados em sete edições até o final de 2018. É um trabalho de coleta de informações em fontes variadas na imprensa e em bases de dados não oficiais.

Elaborado pela Secretaria Executiva da Câmara de Comércio Exterior (Camex), o documento está disponível para leitura e download em português e em breve será publicado também em inglês. A escolha dos países foi baseada no fato de a Camex ter Memorandos de Entendimento e de Cooperação com esses cinco países.

O boletim coleta uma amostra dos investimentos em fontes variadas e, ainda que possa não refletir a totalidade dos investimentos destes países selecionados, indica em linhas gerais a tendência do Investimento Estrangeiro Direto (IED) no Brasil entre 2003 e o primeiro trimestre de 2019.

Fonte: Ministério da Economia / Imagem: Pixabay

BLOG DA ABAX

Veja todas as postagens do nosso Blog
Compartilhe
  • 6
    COMPART.